Governo zera imposto de importação de 322 itens sem produção nacional
22 ago

Governo zera imposto de importação de 322 itens sem produção nacional

Resoluções da Camex foram publicadas nesta terça (21) no ‘Diário Oficial’. Segundo o governo, empresas que solicitaram benefício fiscal informaram que pretendem investir US$ 3,169 bilhões.

Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços informou que foram publicadas nesta terça-feira (22) no “Diário Oficial da União” duas novas resoluções da Câmara de Comércio Exterior (Camex) com a lista de 322 máquinas e equipamentos industriais, e para bens de informática e telecomunicações, que terão redução do imposto de importação de 16% e 14% para zero até junho de 2019. Os itens não têm produção nacional.

Segundo o governo, foram contemplados com a medida 316 ex-tarifários para máquinas e equipamentos para produção – sendo 237 novos e 79 renovações – além de seis novos ex-tarifários para bens de informática e telecomunicações.

“As empresas que solicitaram à Camex o benefício fiscal informaram que pretendem realizar investimentos no valor de US$ 3,169 bilhões, principalmente nas regiões Sudeste e Nordeste do Brasil. Somente em importação de equipamentos serão gastos mais de US$ 453 milhões”, acrescentou o MDIC.

Os principais setores onde serão feitos os novos investimentos serão os de energia (67,95 %), bebidas (11,85%) bens de capital (6,10 %), alimentício (4,47%), e autopeças (2,54%). As empresas beneficiadas pelos 322 ex-tarifários que entraram hoje em vigor terão redução do custo do investimento de cerca de R$ 28 milhões, informou o governo.

De acordo com o ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Pereira, é preciso implementar medidas que incentivem a retomada da atividade econômica e reduzam o custo do investimento produtivo, uma das prioridades do governo.

Entre os projetos que terão custos reduzidos com a medida da Camex, ainda segundo o MDIC, estão a construção de uma usina termelétrica para fornecimento às distribuidoras integradas ao Sistema Interligado Nacional (SIN); a produção de geradores de energia eólica; a construção de novo centro de pesquisa, desenvolvimento e aprimoramento de bebidas; a instalação de uma nova linha de produção em uma fábrica de chocolates; e a construção de uma nova fábrica de lentes, faróis e lanternas automotivas.

Fonte: G1

, ,

Comments (No Responses )

No comments yet.

Deixe uma resposta

Seger Importação e Exportação © All Rights Reserved.2020